Eu trabalho como Lecturer de Ciência, Tecnologia e Sociedade na Universidade de Ciências Aplicadas Code em Berlim e como Professor Substituto de Filosofia na Universidade Federal de Lavras em Minas Gerais. Em 2019, eu me tornei doutor em filosofia pela Universidade de Miami, onde eu também trabalhei como Lecturer de Filosofia até o ano passado. Eu também sou, desde 2013, mestre em filosofia por Boston College. Embora eu tenha vivido por quase uma década nos EUA e com uma bolsa da DAAD feito pesquisa na Alemanha na Universidade de Bonn, eu sou originalmente do Rio de Janeiro, Brasil. Meus ensaios têm dialogado com a história da filosofia (e.g., Anselmo e Descartes), filósofos continentais (e.g., Nietzsche e Deleuze), filósofos analíticos (e.g., Carnap e Chalmers) e filósofos brasileiros (e.g., o orientador da minha tese de doutorado, Otávio Bueno e o orientador da minha monografia de graduação, Fernando Ribeiro). Ao abordar os critérios e os pressupostos políticos de disputas em metafísica, eu defendi na minha dissertação de doutorado que essas disputas podem ser abordadas de uma perspectiva de esquerda ou de direita. Recentemente, eu estou interessado em disputas relacionadas à filosofia da religião como as sobre: se o capitalismo é uma religião; se o Milianismo pode explicar o rebatismo (e.g., o de “Abrão” em Abraão”); se pessoas de fé podem ser oponentes filosóficos legítimos etc. Ao explicitar o que eu chamo de metamodernismo, eu também publiquei duas coletâneas de poemas. Eis aqui uma entrevista (em português) comigo.

minha foto.jpg
  • Facebook Social Icon